Jump to Content
Jump to Navigation

Email This Post Email This Post

Trazendo luz à escuridão!

Essa estilizada árvore de Natal tem história!

Seus galhos faziam parte de 1/100 ( imagino eu!) da imensa trepadeira que cobria o muro que separa a minha casa da casa do vizinho. Há um tempo ela foi chegando da casa de trás, sem avisar e foi aos poucos cobrindo o muro sem graça e eu confesso que achei providencial aquela invasão e resolvi não reclamar, até porque comecei a ver a vida pulsar com os passarinhos fazendo ninho por ali, sentindo uma pequena floresta tomar conta, alegrando e embelezando meu jardim.

Bom … dois anos se passaram e … ao invés de poda, meu vizinho resolveu cortar pela raiz a planta e o meu coração também!

Ahhh … a tal da impermanência! Quantas vezes somos surpreendidos, em tantas áreas da nossa vida?

Trabalhar a aceitação, das coisas como são, é libertador, principalmente quando conseguimos transformar a situação, trazendo luz à escuridão!

Apegar jamais, guardar um pedacinho dos bons momentos foi o que fiz!

Talvez seja cedo, mas vou aproveitar o insight para deixar essa mensagem para os dias que antecedem, bem como para o festejo do dia 25/12, dia de Natal!

Gratidão pelo aprendizado!



Sugestões e Comentários

Seus dados:

Escreva aqui:

Current day month ye@r *